O primado da escrita

António Emiliano

Resumo


O artigo aborda a questão do ‘primado funcional’ da língua escrita como chave para o correcto entendimento do estatuto e papel da escrita e da ortografia em sociedades complexas como a portuguesa. Argumenta-se que a manutenção do “paradigma aristotélico” impede esse correcto entendimento.  Discute-se o problema da relação entre escrituralidade e oralidade. O estilo geral do artigo é ensaístico, apologético e “prelectivo”, com utilização mínima de notas, citações e bibliografia de referência.


Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.


 

 

 

 

 

               

 

                      

 

 

Lista das Revistas  

 

ISSN: 1646-6195