Nomes em -dor, -douro, -deiro, -dora, -doura e -deira: uma abordagem de acordo com o modelo de RFPs em interfaces

Alexandra Soares Rodrigues

Resumo


Este trabalho foca o comportamento dos sufixos -dor, -dora, -deiro, -deira, -douro e -doura na formação de nomes deverbais do Português. Partindo do modelo de “RFPs em interfaces”, baseado na coindexação dos traços semânticos provenientes dos afixos e das estruturas eventiva e léxico-conceptual das bases verbais, pretende-se evidenciar o contributo do afixo para o semantismo do  produto lexical. Apesar de se tratar de afixos operadores na construção de nomes de ‘causa’, ‘locativos’ e ‘instrumentos’, verifica-se que o produto de cada afixo tende para determinados semantismos. Essas tendências são explicáveis pela existência de traços semânticos no afixo que, em coindexação com os traços das bases, produz matizes semânticos nos produtos.


Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.


 

 

 

 

 

               

 

                      

 

 

Lista das Revistas  

 

ISSN: 1646-6195