A utilização de um protótipo Wizard of Oz para a determinação de métodos de identificação automática de telespetadores seniores

Telmo Silva, Jorge Ferraz de Abreu, Osvaldo Rocha Pacheco

Resumo


A televisão é, para os seniores, o principal meio de distração e de informação. Nela eles procuram sensações que potenciem o seu bem-estar o que os motiva a longos períodos de consumo televisivo. Suportando-se nesta proximidade entre o sénior e os artefactos tecnológicos que proporcionam o consumo televisivo, o trabalho aqui descrito visa, através de uma aplicação de televisão interativa (iTV) na área da prestação de cuidados de saúde e bem-estar, avaliar qual o sistema de identificação de utilizadores (sID) mais adequado a este contexto. A aplicação de iTV tem componentes relacionadas com a saúde, a comunidade e também de eventos da vida diária como informação sobre o tempo, entre outros. Foi concretizado um caso de estudo que englobou o teste de um protótipo com um conjunto de seniores para definir qual o sID mais adequado a este público-alvo.

Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.




Copyright © 2005 | CITCEM – Centro de Investigação Transdisciplinar Cultura, Espaço e Memória | PRISMA.COM | ISSN 1646-3153  | DOI 10.21747/16463153 | Contacto: prisma.com@letras.up.pt 

  

Lista da Revistas