O poder do discurso darwinista sob o olhar da teoria dos gêneros discursivos: uma análise dialógica dos elementos estáveis do enunciado

Urbano Cavalcante Filho

Resumo


Estudo dedicado a uma análise discursiva do tema darwinismo, importante discussão presente no contexto sociohistórico e político-cultural do século XIX e materializado linguísticoenunciativamente no gênero conferência. Filiado teórico-metodologicamente na teoria dialógica da linguagem do chamado Círculo de Bakhtin, especialmente nas reflexões sobre a teoria dos gêneros do discurso, este estudo visa a analisar o projeto discursivo do ponto de vista do gênero de uma das atividades de divulgação científica mais importantes ocorridas no Brasil na segunda metade do século XIX: as Conferências Populares da Glória. O presente trabalho, portanto, é orientado pela observação do gênero não apenas pelo viés estático da produção (referimo-nos à questão das formas), mas principalmente pelo viés dinâmico da produção. Dessa forma, toma seus elementos constituintes centrais (o conteúdo temático, o estilo e a estrutura composicional) como objetos de análise, a fim de observar as peculiaridades genéricas no interior da atividade social, que é a da divulgação dos saberes científicos (nesse caso, nosso corpus refere-se à conferência sobre a teoria darwinista) no contexto brasileiro oitocentista.


Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.


 

 

 

LISTA DAS REVISTAS