Como abordar a identidade nacional portuguesa

Augusto Santos Silva

Resumo


A definição da identidade de um qualquer coletivo social faz-se em dois planos
complementares: o que aproxima os seus elementos constitutivos numa certa unidade, fazendo-os parte de uma mesma totalidade; e o que distingue a totalidade assim formada das outras com que efetiva ou virtualmente se relaciona. No primeiro plano está em causa a formação de um nós; no segundo, a sua distinção face aos outros, face a eles. Neste artigo, enunciado de modo a captar o sentido da representação de uma identidade nacional portuguesa, procuramos mostrar o que faz de todos nós portugueses e o que faz de nós, portugueses, distintos de espanhóis, franceses e restantes. Para tal, mobilizaremos a análise social das estruturas e das representações; e o seu cruzamento com essa forma específica de representação (no sentido mais amplo da palavra) que é a riação cultural.


Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.