O Tempo e o Aspeto em "Harry Potter e a Pedra Filosofal": estudo comparativo das relações temporais em orações completivas infinitivas em português e inglês

Autores

  • Bárbara Pinho

Resumo

Os sistemas verbais português e inglês apresentam diferenças estruturais evidentes quer nos tempos verbais que os compõem, quer nas estruturas frásicas em que surgem. Com o intuito de realizar um estudo comparativo dos valores temporais nestas duas línguas, analisam-se e comparam-se todos os tempos verbais encontrados na versão inglesa e portuguesa de um excerto de uma obra de literatura de origem inglesa e amplamente traduzida em português. Esta análise permitiu averiguar, nomeadamente, a produtividade dos infinitivos simples em português, bastante superior à do inglês. Posteriormente, para uma análise mais extensiva das leituras temporais do infinitivo, foram comparadas em termos temporais as orações infinitivas de tipo completivo encontradas no excerto, nas duas línguas, o que permitiu perceber que, de acordo com propostas recentes, o infinitivo simples não é totalmente desprovido de marcas temporais.

Downloads

Publicado

2021-08-05