https://ojs.letras.up.pt/index.php/historia/issue/feed História: revista da Faculdade de Letras da Universidade do Porto 2023-01-06T12:22:28+00:00 Inês Amorim iamorim@letras.up.pt Open Journal Systems <p>A <strong>Revista da Faculdade de Letras do Porto - História</strong> foi fundada em 1970 e é editada com periodicidade anual desde 1984. A Revista iniciou em 2011 uma nova série editorial, a IV, adaptando a sua designação original (História – Revista da FLUP) e prosseguindo, em novos moldes, a sua missão de apoio à inovação e divulgação científica em matéria de estudos historiográficos. Em 2017, deu-se início à publicação da <strong>História - Revista da FLUP </strong>com periodicidade semestral e exclusivamente em formato online. </p> https://ojs.letras.up.pt/index.php/historia/article/view/12956 Ficha Técnica 2023-01-06T12:00:21+00:00 Comissão Editorial iamorim@letras.up.pt 2023-01-06T00:00:00+00:00 Direitos de Autor (c) 2023 História: revista da Faculdade de Letras da Universidade do Porto https://ojs.letras.up.pt/index.php/historia/article/view/12190 O Vintismo, as Cortes de Lisboa e a Independência do Brasil 2022-11-23T13:47:39+00:00 Jônatas Roque Mendes Gomes jonatasrmg@gmail.com <p><strong>Resumo</strong></p> <p>Este artigo tem como objetivo analisar o contexto e as bases que relacionam a atividade parlamentar das Cortes lisboetas (1821-1822) e a independência política do Brasil (1822). Buscamos neste trabalho não apenas nos deter nos embates entre representantes de ambos os lados do até então Império Luso-Brasileiro, mas refletir sobre os fundamentos teóricos, conceituais e contextuais que compuseram o quadro sociopolítico de inícios da década de 1820. Entendemos que os acontecimentos do período elencado - Revolução Liberal do Porto, retorno de D. João VI a Portugal, Cortes de Lisboa e a independência do Brasil – são fruto de um processo de aprofundamento conceitual e de experiências sociopolíticas.</p> <p><strong>Palavras-chave</strong>: Independência do Brasil. Revolução Liberal do Porto. Cortes de Lisboa. Constitucionalismo. Pensamento político luso-brasileiro.</p> <p>&nbsp;</p> 2023-01-06T00:00:00+00:00 Direitos de Autor (c) 2023 História: revista da Faculdade de Letras da Universidade do Porto https://ojs.letras.up.pt/index.php/historia/article/view/12220 O Cipriano Barata e Frei Caneca no Correio do Rio de Janeiro (1823): a disseminação do republicanismo cívico na Corte 2022-11-15T10:59:01+00:00 Paula Botafogo Caricchio Ferreira paula.botafogo@gmail.com <p>Com base na noção de <em>modernidade do espaço público</em>, de <em>exílio liberal</em> e <em>experiência hispanoamericana</em>, o artigo trata das transcrições de publicações de Cipriano Barata e de Frei Caneca no <em>Correio do Rio de Janeiro </em>em 1823, quando João Soares Lisboa, seu redator, estava na prisão, acusado de “conluio republicano”. Elas discutiam as virtudes cívicas, a moral do Imperador e a idealização do que ele denominava governo “Monarco-Democrático” e disseminaram, na Corte, centro dirigente do Império, um projeto de Brasil que combatia a Câmara Alta e defendia a autonomia provincial em um arranjo federal, com ampla participação cidadã no governo, formação de milícias e restrição dos poderes do monarca.</p> <p><strong>Palavras-chave:</strong> Confederação do Equador; Imprensa; Independência do Brasil; Liberalismo; República</p> 2023-01-06T00:00:00+00:00 Direitos de Autor (c) 2023 História: revista da Faculdade de Letras da Universidade do Porto https://ojs.letras.up.pt/index.php/historia/article/view/12538 Estratégias Político-Diplomáticas e o Reconhecimento por Portugal da Soberania Brasileira, 1824-1825 2022-11-29T12:29:31+00:00 Camila Ferreira Pureza de Oliveira camilapureza11@gmail.com <p><strong>Resumo:</strong> No presente artigo, de recorte temporal compreendido entre os anos de 1824-1825, analisou-se o conteúdo transcrito no Protocolo de negociações que vislumbrava um ato de reconciliação entre Brasil e Portugal, e o texto do resultado destas negociações: o Tratado de Paz e Aliança entre Brasil e Portugal, assinado em 1825, instrumento legal por meio do qual Portugal reconheceu a Independência do Brasil.</p> <p><strong>Palavras-Chave:</strong> Independência do Brasil; Reconhecimento; Tratado de Paz e Aliança de 1825.</p> 2023-01-06T00:00:00+00:00 Direitos de Autor (c) 2023 História: revista da Faculdade de Letras da Universidade do Porto https://ojs.letras.up.pt/index.php/historia/article/view/12047 Liberalismo e Romantismo no Brasil: discursos e práticas na construção do império brasileiro (1808-1850) 2022-11-23T14:13:19+00:00 Dalvit Greiner de Paula dalvit.greiner@gmail.com <p>Inicialmente entendido como uma categoria literária, o Romantismo tornou-se também uma categoria política influenciando os homens que fariam o Brasil no século XIX. Poetas ocasionais, dedicaram boa parte de suas penas à construção de uma nova sensibilidade para uma nova nação que se queria nos trópicos. Para verificarmos isso, usamos o método indiciário, buscando naqueles maus poemas e poetas, que foram registrados nos periódicos de 1808 a 1850, desejos de uma nova pátria e portadores de um pensamento e uma atitude que podemos considerar pré-românticas.</p> <p><strong>Palavras-chave:</strong> Liberalismo; Romantismo; Independência do Brasil.</p> 2023-01-06T00:00:00+00:00 Direitos de Autor (c) 2023 História: revista da Faculdade de Letras da Universidade do Porto https://ojs.letras.up.pt/index.php/historia/article/view/12954 Normas Editoriais 2023-01-06T11:39:52+00:00 Comissão Editorial iamorim@letras.up.pt 2023-01-06T00:00:00+00:00 Direitos de Autor (c) 2023 História: revista da Faculdade de Letras da Universidade do Porto https://ojs.letras.up.pt/index.php/historia/article/view/12959 Volume Completo 2023-01-06T12:13:51+00:00 Comissão Editorial iamorim@letras.up.pt 2023-01-06T00:00:00+00:00 Direitos de Autor (c) 2023 História: revista da Faculdade de Letras da Universidade do Porto https://ojs.letras.up.pt/index.php/historia/article/view/12957 Sumário 2023-01-06T12:04:48+00:00 Comissão Editorial iamorim@letras.up.pt 2023-01-06T00:00:00+00:00 Direitos de Autor (c) 2023 História: revista da Faculdade de Letras da Universidade do Porto https://ojs.letras.up.pt/index.php/historia/article/view/12955 APRESENTAÇÃO História: Revista da FLUP - IV Série V. 12, N.º 2 (2022) 2023-01-06T11:54:50+00:00 Comissão Editorial iamorim@letras.up.pt 2023-01-06T00:00:00+00:00 Direitos de Autor (c) 2023 História: revista da Faculdade de Letras da Universidade do Porto https://ojs.letras.up.pt/index.php/historia/article/view/12180 DE MIGUEL SALANOVA, Santiago (2017), Republicanos y socialistas. El nascimiento de la acción política municipal en Madrid (1891-1909), Madrid, Los Libros de la Catarata. ISBN 978-84-9097-268-7, 175 pp. 2022-10-07T09:12:55+00:00 Jorge Mota jorgebrmota@gmail.com <p>Recensão sobre a obra <em>Republicanos y socialistas. El nascimiento de la acción política municipal en Madrid (1891-1909) </em>de Santiago de Miguel Salanova.</p> 2023-01-06T00:00:00+00:00 Direitos de Autor (c) 2023 História: revista da Faculdade de Letras da Universidade do Porto https://ojs.letras.up.pt/index.php/historia/article/view/12537 PELLETIER, Philipe (2001), Le Puritanisme vert: Aux origines de l’écologisme, Paris, Le Pomier. ISBN 978-2-7465-2320-3, 428 pp. 2022-10-30T20:41:33+00:00 Paulo Alexandre Vasconcelos paulofvasconcelos@gmail.com <p>Obra de finais de 2021, editada pela Le Pommier, de Phillipe Pelletier, investigador e Professor emérito de Geografia da Universidade Lumière Lyon-II, geógrafo de formação e especialista em assuntos do Japão, completou o doutoramento em 1983 com uma tese intitulada: <em>Un paysage traditionnel confronté à la haute-croissance: impacts et recherche d'équilibre dans le Bassin de Nara (Japon)</em>, que tem vindo a realizar trabalhos centrados na paisagem, na insularidade, nos meios urbanos, no ambiente e na geografia política.&nbsp;O autor nesta obra traça traz à tona &nbsp;a hipótese de que um “puritanismo verde” tem ligação com a confissão protestante de mesmo nome, cujos membros, embarcados no Mayflower, optaram por emigrar para a América a partir de 1620.<br>Este ensaio sólido, estimulante e iconoclasta mobiliza uma abundante literatura internacional e lança uma nova luz sobre a história dos pensamentos ligados ao ambientalismo. Tem o mérito de nos obrigar a repensar as responsabilidades das atuais crises ambientais, que talvez estejam menos ligadas à natureza pecaminosa e definitivamente decaída da humanidade do que a um sistema econômico e político muito particular. Incursões ao lado do Japão ou mesmo mesologia são tantos convites para pensar segundo outros esquemas talvez mais frutíferos.</p> 2023-01-06T00:00:00+00:00 Direitos de Autor (c) 2023 História: revista da Faculdade de Letras da Universidade do Porto https://ojs.letras.up.pt/index.php/historia/article/view/12535 ICKX, Johan (2021), Os Judeus de Pio XII, Vogais. ISBN 978-989-564-721-7, 459 pp. 2022-10-29T23:55:58+00:00 Carla Sequeira cferreira@letras.up.pt <p>Recensão de ICKX, Johan (2021), <em>Os Judeus de Pio XII</em>, Vogais. ISBN 978-989-564-721-7, 459 pp.</p> 2023-01-06T00:00:00+00:00 Direitos de Autor (c) 2023 História: revista da Faculdade de Letras da Universidade do Porto https://ojs.letras.up.pt/index.php/historia/article/view/12958 Notas biográficas dos autores 2023-01-06T12:10:37+00:00 Comissão Editorial iamorim@letras.up.pt <p>Notas biográficas</p> 2023-01-06T00:00:00+00:00 Direitos de Autor (c) 2023 História: revista da Faculdade de Letras da Universidade do Porto