GESTÃO DA INFORMAÇÃO NA CÂMARA MUNICIPAL DO PORTO

Sara Torres

Resumo


A Câmara Municipal do Porto, uma das maiores instituições públicas portuguesas, a segunda maior no âmbito das autarquias locais, tem vindo a realizar um forte investimento na modernização administrativa ao longo dos últimos anos. A adoção de um novo Sistema de Gestão Documental - Porto.doc - relevou o papel crucial dos sistemas de classificação na gestão da informação da autarquia. Após uma análise cuidada, sob um pressuposto mais tecnológico, foi identificada uma carência efetiva na organização física dos processos administrativos, tornando essencial a criação de uma solução que minimizasse o impacto da entrada em vigor do novo Plano de Classificação que afetará diariamente os colaboradores da instituição. A conceção de um Modelo de Integração dos Instrumentos de Classificação devidamente articulado com o Plano de Classificação MEF-PCIAAL pretende facilitar a interoperabilidade semântica entre o Sistema de Arquivo da Câmara Municipal do Porto (composto pelo aplicativo de gestão documental e o arquivo físico) e as restantes entidades da administração pública.

Palavras-chave: Arquivo municipal; Câmara Municipal do Porto; Classificação da informação; Sistema de Gestão Documental.


Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.




Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional
Copyright © 2013 | CIC.Digital (Porto) | Contacto: gabinete_ab@hotmail.com | ISSN 0873-5670 | eISSN 2183-6671 | D.O.I. 10.21747/21836671/pag