O uso de revistas eletrónicas por docentes/investigadores da Faculdade de Letras da Universidade do Porto: estudo bibliométrico

Alberto Nuno Oliveira Fernandes

Resumo


A comunicação científica tem sofrido imensas modificações ao longo dos tempos. Diversos fatores alteraram esta forma de comunicação até que chegamos às revistas científicas em formato eletrónico de que dispomos atualmente. Pela abundância de recursos que o eletrónico fornece sentiu-se a necessidade de avaliar. Surgiram diversas técnicas entre as quais a bibliometria, a cienciometria, a infometria e a webometria. Todas com preocupações centradas na avaliação da produção científica. As universidades são um ambiente onde a comunicação científica é muito importante independentemente dos formatos usados. Assim surge também a necessidade de se estudar até que ponto os docentes e os investigadores dos meios académicos usam o formato eletrónico. Através de um questionário aplicado a todos os docentes e investigadores da Faculdade de Letras da Universidade do Porto assim como de entrevistas realizadas aos coordenadores dos centros de investigação da mesma Faculdade, é traçado um perfil de utilização das revistas eletrónicas.

Palavras-chave: revistas electrónicas; bibliometria; investigadores.


Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.




Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional
Copyright © 2013 | CIC.Digital (Porto) | Contacto: gabinete_ab@hotmail.com | ISSN 0873-5670 | eISSN 2183-6671 | D.O.I. 10.21747/21836671/pag