O português e a língua cabo-verdiana no sistema de educação superior na ilha de São Vicente em Cabo Verde

Authors

  • Natalia Czopek

Abstract

No presente estudo, dedicar-nos-emos à descrição de um dos âmbitos em que facilmente
se nota uma assimetria nas escolhas linguísticas disponíveis para os cabo-verdianos, isto é, o
sistema de educação nacional. Em primeiro lugar, traçaremos o contexto socio-histórico do uso
do português e do cabo-verdiano no ensino superior, incluindo algumas informações sobre o
ensino básico e médio. Na segunda parte, apresentaremos resultados da investigação realizada
em 2016/2017 na ilha de São Vicente, em Cabo Verde, referentes a opiniões de estudantes
universitários e do corpo docente, por exemplo, sobre a obrigatoriedade do emprego da
língua portuguesa no ambiente escolar ou a escassa presença da língua nacional no ensino
superior formal. Para os fins deste estudo, escolhemos 60 entrevistas: 37 com estudantes da
Universidade do Mindelo (UM), 15 com estudantes da Universidade de Cabo Verde (Uni-
CV) e 8 com professores universitários, especialistas em diferentes áreas científicas (Uni-CV, UM). A metodologia aplicada para a sua descrição vai ser qualitativa, com elementos
quantitativos resumidores. As observações finais, na nossa opinião, devido ao pequeno
número de participantes, não devem ser consideradas como representativas da opinião de toda
a população de São Vicente, podendo, no entanto, constituir um ponto de partida para estudos
mais abrangentes.

Published

2022-11-23