Redes sociais no recrutamento de imigrantes : fundamentos teóricos de uma proposta de explicação

Autores

  • Filipa Pinho

Resumo

Neste artigo reveem-se as origens dos conceitos de redes e de capital social na sociologia e no estudo de migrações. Pretende-se promover a perspetiva teórica relacional de que é plausível o surgimento de uma articulação entre as redes sociais de migrantes e de potenciais migrantes, com mobilização de capital social, no recrutamento de mão de obra em falta quando há oportunidades de trabalho no destino. As redes sociais podem ser entendidas como equivalentes funcionais de outro tipo de recrutamento, na ausência de programas governamentais com esse objetivo.

Downloads

Publicado

2015-12-01