Do material e do simbólico : capitalismo, imagem e a intermediação cultural pós-modernista

Autores

  • João Valente Aguiar

Resumo

Neste ensaio tem-se como propósito primordial fornecer pistas acerca da inserção da imagem no que, grosso modo, podemos designar por configuração cultural do pósmodernismo. Ao mesmo tempo, dá-se espaço a uma breve digressão em torno da relação entre pós-modernismo e acumulação flexível, substrato essencial de onde emana o objecto de estudo em questão. Por conseguinte, conceptualizam-se dimensões centrais tais a transmutação imagética, o primado da imagem e o efeito de desmaterialização instilado por aquela na percepção das relações sociais. Constitui-se, assim, uma cadeia conceptual com o propósito de interligar fenómenos e processos sociais apenas aparentemente dispersos entre si, como a organização da base produtiva do capitalismo contemporâneo, a realidade cultural deste último e o posicionamento da imagem dentro de todo esse enquadramento mais vasto. De um ponto de vista epistemológico, sublinhe-se ainda que o trabalho teórico empreendido aponta para uma problematização da relação entre os domínios material e simbólico.

Downloads

Publicado

2017-05-10