Sociologia : um momento fundacional sob o signo da secularização

Autores

  • António Joaquim Esteves

Resumo

O texto concentra-se sobre o estudo do «momento fundador da sociologia», restringindo-se a empreendê-lo sob o signo da «secularização» e no quadro da sociedade francesa, fazendo, contudo, corpo com dois outros textos: um, anterior por natureza, dedicado ao processo sócio-histórico europeu que vai “da cultura teocêntrica às variações do Iluminismo”; o outro, complementar, constituído pela análise da contribuição da sociologia alemã, principalmente representada por Max Weber. Houve, ainda, a preocupação de singularizar o contributo de cada um dos autores eleitos: a elaboração do “novo cristianismo” em Saint-Simon, ao mesmo tempo que encerra uma crítica ao cristianismo tradicional, não deixa de implicar um tributo irreconhecido; em Comte, a sociologia estrutura-se através de um conflito directo com a visão teológicometafísica e política da cultura ocidental; por fim, à variante forte da secularização implicada na obra dos dois autores antecedentes, Durkheim acrescenta uma obra sociológica marcada pela tensão entre dois processos: “socialização do sagrado” e “sacralização do social”.

Downloads

Publicado

2017-05-16