A paisagem Duriense a Partir de uma obra de John Gibbons

Autores

  • Fátima Loureiro Matos

Resumo

Neste artigo a partir da obra de John Gibbons I Gathered no Moss, procuramos descrever a paisagem do Douro, vista a partir de uma pequena aldeia perdida nas vertentes deste rio, Coleja, no concelho de Carrazeda de Ansiães. A obra de John Gibbons pode ser integrada nos relatos de viagens, escritas por autores estrangeiros, que ganham grande expansão a partir de meados do séc. XVIII, num corpo que ficou conhecido por “literatura de viagens”. Nestes relatos sobressaem descrições de paisagens que revelam uma sensibilidade plenamente do Romantismo, não possuem propriamente um carácter científico, destinam-se, sobretudo, ao comum dos leitores. O autor permanece em Coleja quatro meses e descreve com pormenor as características da região e da população, para além de outros percursos que realiza, como a ida a Carrazeda de Ansiães, ao Porto e Miranda do Douro.

Downloads