A Gestão da Informação como facilitadora do empoderamento psicológico e da melhoria do desempenho profissional

Autores

  • Cláudia Pinto Instituto Politécnico do Porto – Instituto Superior de Contabilidade e Administração
  • Milena Carvalho Instituto Politécnico do Porto – Instituto Superior de Contabilidade e Administração
  • Susana Martins Instituto Politécnico do Porto – Instituto Superior de Contabilidade e Administração

Palavras-chave:

Desempenho profissional; Empoderamento psicológico; Gestão da informação; Necessidades de informação.

Resumo

A informação é imprescindível às organizações. Estas estruturam-na e classificam-na com base na sua orgânica e nas suas funções e atividades, ou seja, com base na produção documental, nos fluxos de informação entre departamentos, na salvaguarda e prova que essa informação constitui. Na Goweb Agency, Lda., a maioria dos documentos existia apenas para efeitos de certificação de qualidade. Por forma a melhorar a gestão da informação na organização, todos os documentos foram organizados de forma válida, intuitiva e assente nas necessidades informacionais dos colaboradores. Ao incorporá-los nas tarefas rotineiras do quotidiano e ao incentivar o seu uso, criando e adequando a partilha e a gestão de informação nas atividades da empresa, assistiu-se a uma diminuição da tensão interna entre os colaboradores, a um aumento do seu grau de satisfação, da sua eficiência e eficácia e da satisfação dos clientes da empresa, devido ao desempenho e à qualidade do trabalho apresentado.

Biografias Autor

Cláudia Pinto, Instituto Politécnico do Porto – Instituto Superior de Contabilidade e Administração

Mestrado em Informação Empresarial do ISCAP, Departamento de Sistemas de Informação.

Milena Carvalho, Instituto Politécnico do Porto – Instituto Superior de Contabilidade e Administração

Docente da Licenciatura em Ciências e Tecnologias da Documentação e Informação e do Mestrado em Informação Empresarial, Instituto Superior de Contabilidade e Administração (ISCAP) do Politécnico do Porto, São Mamede Infesta, Portugal.
Investigadora no CEOS / ISCAP / P.Porto, São Mamede Infesta, Portugal.
Investigadora no CITCEM, Universidade do Porto, Porto, Portugal.
Investigadora na Pesquisa em Arquivos, Bibliotecas, Informação e Documentação, Universidade de León, Espanha.

Susana Martins, Instituto Politécnico do Porto – Instituto Superior de Contabilidade e Administração

Docente da Licenciatura em Ciências e Tecnologias da Documentação e Informação, Instituto Superior de Contabilidade e Administração (ISCAP) do Politécnico do Porto, São Mamede Infesta, Portugal.
Investigadora no CEOS / ISCAP / P.Porto, São Mamede Infesta, Portugal.
Investigadora no CITCEM, Universidade do Porto, Porto, Portugal.

Referências

ARAÚJO, Carlos Alberto Ávila 2016 Estudos de usuários da informação: comparação entre estudos de uso, de comportamento e de práticas a partir de uma pesquisa empírica. Informação em Pauta. [Em linha]. 1:1 (2016) 61-78. Disponível em: http://www.periodicos.ufc.br/index.php/informacaoempauta/article/view/2970.

BARALE, Rômulo Ferreira; SANTOS, Benedito Rodrigues dos 2017 Cultura organizacional: revisão sistemática da literatura. Revista Psicologia, Organizações e Trabalho. [Em linha]. 17:2 (2017) 129-136. Disponível em: https://doi.org/10.17652/rpot/2017.2.12854.

BARBOSA, Ricardo Rodrigues 2008 Gestão da Informação e do Conhecimento: origens, polêmicas e perspectivas. Informação & Informação. [Em linha]. 13:1 (2008) 1-25. Disponível em: http://dx.doi.org/10.5433/1981-8920.2008v13n1espp1.

BERTI, Ilemar Christina Lansoni Wey; ARAÚJO Carlos Alberto Ávila 2017 Estudos de usuários e práticas informacionais: do que estamos falando? Informação & Informação. [Em linha]. 22:2 (2017) 389-401. Disponível em: https://doi.org/10.5433/1981-8920.2017v22n2p389.

CHOO, Chun Wei 2003 Como ficamos sabendo: um modelo de uso da informação. In A Organização do conhecimento: como as organizações usam a informação para criar significado, construir conhecimento e tomar decisões. [Em linha]. São Paulo: Editora SENAC, 2003, p. 63-120. [Consult. 20 novembro 2020]. Disponível em: http://scholar.google.com/scholar?hl=en&btnG=Search&q=intitle:Como+ficamos+sabendo+?+um+modelo+de+uso+da+informa??o#0.

DEAL, Terrence E.; KENNEDY, Allan A. 1982 Corporate cultures: the rites and rituals of corporate life. [Em linha]. 1982. Disponível em: https://doi.org/10.1016/0007-6813(83)90092-7.

DERVIN, Brenda 1999 On studying information seeking methodologically: the implications of connecting metatheory to method. Information Processing & Management. [Em linha]. 35:6 (1999) 727-750. Disponível em: https://doi.org/10.1016/S0306-4573(99)00023-0.

FRANCIS, Mary 2010 Fulfillment of a higher order: placing information literacy within Maslow’s hierarchy of needs. College & Research Libraries News. [Em linha]. 71:3 (2010) 140-159. Disponível em: https://crln.acrl.org/index.php/crlnews/article/view/8336/8460.

HANDY, Charles B. 1991 Gods of management: the changing work of organisations. London: Arrow Books, 1991.

KLANN, Roberto Carlos; BEUREN, Ilse Maria 2014 Relações do empowerment psicológico com o sistema de mensuração de desempenho e o desempenho gerencial. Revista Ambiente Contábil. [Em linha]. (2014) 116-133. Disponível em: http://www.ojs.ccsa.ufrn.br/index.php/contabil.

LESCA, Humbert; ALMEIDA, Fernando C. de 1994 Administração estratégica da informação. RAUSP Management Journal. [Em linha]. 29:3 (1994), 66-75. Disponível em: http://www.spell.org.br/documentos/ver/18561/administracao-estrategica-da-informacao/i/pt-br.

MARTÍNEZ-SILVEIRA, Martha; ODDONE, Nanci 2009 Necessidades e comportamento informacional: conceituação e modelos. Ciência da Informação. [Em linha]. 36:2 (2009) 118-127. Disponível em: https://doi.org/10.1590/s0100-19652007000200012.

MASLOW, Abraham H. 1943 A Theory of human motivation. Psychological Review. [Em linha]. 50:4 (1943) 370- -396. Disponível em: https://psychclassics.yorku.ca/Maslow/motivation.htm.

OUCHI, William G.; WILKINS, Alan L. 1985 Organizational culture. Annual Review of Sociology. [Em linha]. 11 (1985) 457-483. Disponível em: https://doi.org/10.1146/annurev.so.11.080185.002325.

PASCALE, Richard Tanner; ATHOS, Anthony G. 1981 The Art of Japanese management. Business Horizons. [Em linha]. 24:6 (1981) 83-85. Disponível em: https://doi.org/10.1016/0007-6813(81)90032-X.

PATEMAN, John; PATEMAN, Joe 2017 Managing cultural change in public libraries. Public Library Quarterly. [Em linha]. 36:3 (2017) 213-227. Disponível em: https://doi.org/10.1080/01616846.2017.1318641.

PETERS, Thomas J.; WATERMAN, Robert H. 1982 In search of excellence: lessons from America's best run companies. [Em linha]. New York: Harper & Row, 1982. Disponível em: https://doi.org/10.1002/npr.4040020314.

PETTIGREW, Andrew M. 1979 On studying organizational cultures. Administrative Science Quarterly. [Em linha]. 24:4 (1979) 570-581. Disponível em: https://doi.org/10.2307/2392363.

SANZ CASADO, Elías 1993 Realización de estudios de usuarios: una necesidad urgente. Revista general de Información y Documentación. [Em linha]. 3:1 (1993) 155-166. Disponível em: https://revistas.ucm.es/index.php/RGID/article/view/RGID9393120155A.

SAVOLAINEN, Reijo 1995 Everyday life information seeking: approaching information seeking in the context of “way of life”. Library & Information Science Research. [Em linha]. 17:3 (1995) 259-294. Disponível em: https://doi.org/10.1016/0740-8188(95)90048-9.

SCHEIN, Edgar H. 2004 Organizational culture and leadership. San Francisco: Jossey-Bass, 2004.

SMIRCICH, Linda 1983 Concepts of culture and organizational analysis. Administrative Science Quarterly. 28:3 (1983) 339-358. Disponível em: https://www.jstor.org/stable/2392246.

SOUZA, Guilherme Eduardo de; BEUREN, Ilse Maria 2018 Impact of an enabling performance measurement system on task performance and job satisfaction. Revista Contabilidade & Finanças. [Em linha]. 29:77 (2018) 194-212. Disponível em: https://doi.org/10.1590/1808-057x201805850.

TARAPANOFF, Kira Maria Antonia; SUAIDEN, Emir José; OLIVEIRA, Cecília Leite 2002 Funções sociais e oportunidades para profissionais da informação. DataGramaZero: revista de Ciência da Informação. [Em linha]. 3:5 (2002). Disponível em: https://brapci.inf.br/index.php/article/download/7460.

Downloads

Publicado

2021-08-12

Edição

Secção

Artigos