Responsabilidades de um Repositório Arquivístico Digital Confiável na perspectiva do Open Archival Information System

Autores

Resumo

A preservação de documentos arquivísticos digitais requer intervenção humana, impreterivelmente mediada por políticas, estratégias e implementação de sistemas informatizados. Dentre os sistemas, observa-se que a implementação de um repositório digital em conformidade com o modelo Open Archival Information System (OAIS) é o princípio para assegurar a autenticidade, garantir a preservação e o acesso em longo prazo. Sendo assim, este estudo realiza uma reflexão sobre as responsabilidades obrigatórias que um repositório digital em conformidade com o OAIS deve seguir. Tem por objetivo proporcionar uma reflexão sobre a implementação de um repositório digital confiável para preservação de documentos arquivísticos digitais, e configura-se como um artigo de opinião, caracterizado pela revisão assistemática de materiais previamente publicados. A convergência entre as responsabilidades obrigatórias do modelo OAIS e a Arquivística possibilita a implementação de um repositório arquivístico digital confiável, suficiente para preservar os documentos, manter a autenticidade e garantir o acesso em longo prazo.

Palavras-chave: Confiabilidade; Documento digital; Preservação digital; Repositório digital

Biografias Autor

Henrique Machado dos Santos, Universidade Federal do Rio Grande

Possui graduação em Arquivologia (2014) e mestrado em Patrimônio Cultural (2018) pela Universidade Federal de Santa Maria. Atualmente é arquivista lotado no Arquivo Geral da Universidade Federal do Rio Grande, e integrante do grupo de pesquisa CNPq UFF Ged/A - Documentos Digitais: Gestão, Preservação, Acesso e Transparência Ativa, da Universidade Federal Fluminense. Tem experiência na área de Ciência da Informação, atuando principalmente nos seguintes temas: preservação digital, gestão do conhecimento, diplomática contemporânea, gestão eletrônica de documentos e software livre.

Daniel Flores, Universidade Federal Fluminense

Doutor em Metodologías y Líneas de Investigación en Biblioteconomía y Documentación pela Universidad de Salamanca. Desenvolveu estágio de Pós-Doutorado financiado pela Fundación Carolina/Universidad de Salamanca na Espanha em Documentos Digitais: Gestão e Preservação Digital. Professor associado do Departamento de Ciência da Informação da Universidade Federal Fluminense - UFF. Docente Permanente do PPGCI da UFF. Pesquisador PQ-2 CNPq - Bolsista de Produtividade. Membro presencial da Câmara Técnica de Documentos Eletrônicos (CTDE/CONARQ). Líder do grupo de pesquisa CNPq UFF Ged/A - Documentos Digitais: Gestão, Preservação, Acesso e Transparência Ativa.

Downloads

Publicado

2019-07-09

Edição

Secção

a&b em aberto