‘e-fatura’ - Estudo misto com participantes Seniores num projeto Municipal em Viseu

Autores

  • Manuel João Monteiro Barbosa Universidade de Aveiro - Departamento de Educação e Psicologia
  • Ana Isabel Veloso Universidade de Aveiro - Departamento de Comunicação e Arte / DigiMedia

Resumo

O uso das Tecnologias da Informação e da Comunicação (TIC) está democratizado atualmente na sociedade de informação. No entanto, existem algumas faixas etárias que as utilizam menos, como por exemplo, os cidadãos seniores maiores que 65 anos de idade. Apesar do uso das TIC entre a população sénior estar a subir ainda se regista algum distanciamento. A realidade mostra que cada vez mais serviços recorrem às TIC para substituir os serviços de atendimento tradicionais. A presente investigação tem como objetivo “compreender as dificuldades que o cidadão sénior experimenta ao utilizar ao serviço ‘e-fatura’”. Utilizou-se uma metodologia mista, com uma amostra por conveniência, de 50 seniores residentes em nove freguesias do concelho de Viseu, em Portugal. Apesar de terem sido identificados três padrões de utilização de acordo com o grau de independência com que realizam a tarefa, destaca-se que existem problemas de usabilidade relacionados com o serviço ‘e-fatura’ que estão relacionados com a falta de contraste entre o fundo e os diversos elementos; com a compreensão das linguagens (gráfica e textual) e ainda na dimensão das áreas clicáveis.

Palavras-chave: Cidadão sénior; Inclusão digital; Serviço ‘e-fatura’; Tecnologias da Informação e da Comunicação; Usabilidade

Downloads

Publicado

2020-05-20

Edição

Secção

Artigos