Democracia como Não Dominação e Espaço Público

António Rosas

Resumo


Neste artigo aplicaremos a ideia shapiriana de democracia como sistema político de não dominação para desenvolvermos uma concepção útil do espaço público. Para esse fim, incidiremos a nossa análise na categorização das quatro tradições da teoria democrática e do espaço público propostas por Ferree, Gamson, Gerhards e Rucht (2002), mostrando como uma derivação, mesmo que provisória e prospectiva, do espaço público, a partir da teoria democrática de Ian Shapiro, não apenas escapa a essa categorização como é suficientemente autónoma e útil para ser explicitada.

Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.




Copyright © 2005 | CITCEM – Centro de Investigação Transdisciplinar Cultura, Espaço e Memória | PRISMA.COM | ISSN 1646-3153  | DOI 10.21747/16463153 | Contacto: prisma.com@letras.up.pt 

  

Lista da Revistas