O morrer e o germinar:

óbitos numa vila em formação no sertão da Bahia, 1891-1913

Autores

  • Fernando Donato Vasconcelos

Resumo

O artigo explora os registos de óbito civis e paroquiais e analisa as circunstâncias da formação do distrito de Beija-Flor, que passou a ser denominado Bela Flor a partir de 1895, o qual deu origem à vila de Guanambi, no sertão da Bahia. Além das causas de morte, investiga aspectos relacionados à condição socioeconômica, ausência de assistência médica, analfabetismo, política local, gênero e etnia. Verifica a extensão do distrito, identificando 71 locais de morte. A elevada ocorrência de óbitos maternos, tétano neonatal, tuberculose e infecções em geral, inclusive surtos epidêmicos em 1892 e 1896, assim como o elevado número de óbitos de menores de 50 anos, refletem as precárias condições sanitárias vividas entre 1891 e 1913.

Downloads

Publicado

2022-01-17

Edição

Secção

Artigos