Padrões de casamento semanal.

A relação entre os dias de trabalho e os casamentos no concelho de Fafe, 1650-1905

Autores

  • Milene dos Anjos Fernandes

Resumo

Este artigo analisa a evolução da distribuição semanal dos casamentos ao longo de pouco mais de 250 anos no concelho de Fafe, localizado no norte de Portugal, assente em uma amostra de microdados composta por 26 841 datas de casamento que permitem observar o padrão semanal dos matrimónios do concelho minhoto, estabelecendo uma relação com indicadores diferenciais: comportamentos demográficos e socioeconómicos dos nubentes, entre 1650 e 1905. Os resultados evidenciaram tendências em função das características dos nubentes. Ao longo de mais de dois séculos, verificou-se uma predominância de atos ao domingo e à segunda. No entanto, esses resultados não abrangem todos os indivíduos, já que as conceções pré-maritais e indicadores socioprofissionais influenciaram a seleção do dia para casar.

Downloads

Publicado

2022-01-17

Edição

Secção

Artigos